Angústia depois do jantar

A pedido de Francisco Borges, plublico o seguinte texto, da sua autoria e inteira responsabilidade.

“Em abono da verdade, hoje vamos estar perante a maior traição já alguma vez feita ao Povo de Grijó. Hoje, os milhares de Grijoenses que, em 11 de Outubro, disseram ao MUG (Vulgo PSD) e ao PS que queriam que estes fossem parte activa da vida politica Grijoense, vão ser esquecidos, maltratados e, pura e simplesmente, ignorados. Foram milhares de votos para o lixo. Esta gentita que foi eleita por estas formações políticas não vale um “xavo”, são capazes de tudo e hoje vão entregar o ouro ao bandido. Tenho vergonha desta gente, que incapaz de ser mais forte que a arrogância de um Menezes vazio de ideias e repleto de vaidades, vai dando ordens aos seus comparsas. Hoje, vai ser tudo abstenção como foi desde 1997, e vão permitir que se faça e desfaça, sendo que, daqui por quatro anos, vão aparecer de novo nos cartazes da vaidade e nos panfletos da mentira a enganar os Grijoenses. Lamenta-se que isto esteja a acontecer, como se lamenta que os Grijoenses nada saibam do que se passa, nem mesmo o “Jornal de Grijó” nos informa deste acto que, sendo público, deveria ser devidamente anunciado. Está tudo cozinhado; fica o Rogério e os seus amigos na Junta; fica o GRi com a presidência da mesa da Assembleia e os outros os pecantes que deveriam ter coragem para se demitirem os 4 do MUG-PSD e os 3 do PS, ficam a assistir à estagnação que tão ferozmente combateram na campanha eleitoral.

Tenham vergonha e demitam-se, deixem a Junta entregue ao GRi e vão tratar de vida, emitam um comunicado à Freguesia a dizer que traíram os Grijoenses, abandonem a Política, Grijó precisa de outra gente, de gente que não se contente e lute por causas nobres em defesa do Povo.

Tudo isto existe, tudo isto é triste, mas tudo tem uma explicação, é que no MUG, três entre os cinco primeiros elementos já obtiveram garantias de colocação em empresas públicas no concelho. Não, amigos, é esta podridão que leva a que cada vez menos o ser humano valha algo.

Aliciados pelo “venha a nós o vosso reino”, estes elementos interesseiros, fantasiaram-se de bons homens e boas senhoras, até ao dia 11 de Outubro à noite, depois disso foi um vê se te avias em busca de um tachito, isso é o que conta.

OS GRIJOENSES FORAM ENGANOS, ESPOLIADOS DO SEU VOTO, FORAM VENDIDOS, FORAM ESQUECIDOS E IGNORADOS.

(…)”

FRANCISCO BORGES

3 Responses to “Angústia depois do jantar”


  1. 1 FRANCISCO MANUEL BORGES 09/11/2009 às 17:12

    CONTINUA A ANGÚSTIA, SEMPRE DEPOIS DO JANTAR.

    De facto a Junta e a Assembleia de Freguesia continuam envolvidas em polémica, em discórdia e em ilegalidades, que alguns muito poucos tentam desmascarar e impedir que vençam as falhas, os erros a incompetência e a negligência. Ao assistirmos a uma Assembleia de Freguesia em Grijó, ficamos perplexos com o tipo de gente que a compõe. E foram eles os cabeças de listas concorrentes ao executivo, e foram eles que nos disseram coisas lindas, bonitas e nos fizeram acreditar na mudança, quando afinal, como dizíamos em Setembro ultimo, são tudo bons rapazes, e como alguém me respondia nessa altura, era disso que precisávamos. Pois se era, cá estão eles, prontos para aplaudir os erros, para aprovar as falhas e ignorar as responsabilidades.

    Grijó merece MAIS, muito MAIS-

  2. 2 Renato Santos 12/11/2009 às 12:06

    Mudei-me muito recentemente para Grijó, e como é óbvio procurei o máximo de informação possível para me integrar da melhor forma. Mas tenho de demonstrar a minha enorme preocupação, com as muitas acusações que aqui vou encontrando sobre os diveros movimentos “políticos” da freguesia de Grijó. Deviam ser um pouco mais comedidos na forma como abordam a vida politica da nossa freguesia, para não criar um clima de alarme, a todos que como eu, se vão inteirando da actualidade da nossa freguesia através destes meios. Vou tentar acreditar, que este tipo de opiniões, se devem apenas ás reacções naturais a derrotas em eleições politicas, e desejo á freguesia de Grijó e a todos os elementos da sua Assembleia muita coragem, determinação e sorte nas suas funções durante os próximos 4 anos. Um grande abraço para Grijó e todos os grijoenses!

    • 3 grijo 14/11/2009 às 14:35

      Prezado Renato Santos,
      bem-vindo a este espaço, aberto e plural. Quanto ao comedimento das/nas afirmações, pode crer que é muito, apesar da minha natural frontalidade. “Quem não deve, não teme”. Aliás, ao contrário do que acontece com certas publicações noutros espaços e com determinados comentários, sem rosto, sempre assino o que escrevo, muitas vezes com foto. O autor dos artigos é, assim, facilmente reconhecível. As opiniões aqui manifestas nada têm a ver com eventuais vitórias ou derrotas eleitorais. Trata-se, apenas, de emitir e estar aberto a diferentes opiniões e perspectivas da “nossa” terra: Portugal, Gaia, Grijó.
      Como o Renato, também desejo as maiores felicidades aos actuais governantes do nosso Concelho e da nossa Vila de Grijó. O que significa que, acima de tudo, desejo que pensem sempre no significado e na responsabilidade dos votos com que foram eleitos e mandatados para bem gerir a coisa pública. O problema é que alguns movem-se claramente por interesses pessoais e mesquinhos, esquecendo o essencial.
      Quando entender conversar/trocar ideias pessoalemente, estarei sempre disponível.
      Abraço
      JMCouto


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Calendário

Outubro 2009
S M T W T F S
« Set   Nov »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivos

Estatísticas do Blog

  • 32,330 visitas

%d bloggers like this: